Uma nova vida normal

27 Abr. 20
Uma nova vida normal

Relaxamento gradual de medidas contra o coronavírus

Encorajados pelos resultados bons na batalha contra a epidemia de Covid-19 (mais recuperados do que contagiados e baixo número de casos novos), que foram um conjunto de medidas rígidas, preparação do sistema de saúde e o comportamento responsável, o governo da Croácia no dia 23 de abril tomou decisões de começar o desconfinamento do país.

 

korona2604Os números atuais: 2030 casos confirmados, 1103 recuperados, 55 óbitos.

 

Reabertura em 3 fases

A primeira fase começa hoje com:

abertura de todas as lojas, menos as nos centros comerciais; abertura dos negócios pequenos com o contacto mínimo com o cliente (sapateiro, costureiro,…);

abertura das linhas de ferry, comboio/trem e transporte público (ainda só dentro dos condados/regiões);

abertura de bibliotecas, livrariras, museus e antiquários; treinamento dos atles do ponto mais alto na Croácia (os de Jogos Olímpicos).

A segunda fase começa no dia 4 de maio com:

abertura da infraestrutura de saúde em funcionamento completo (até agora foi só para os casos de emergência e casos de Covid-19);

abertura de salões de beleza (cabalereiros, pedicuros e manicure), abertura de igrejas e manifestações religiosas.

A terceira fase que começa no dia 11 de maio (para muitos a data verdadeira de regresso ao normal):

permite aglomerações até 10 pessoas;

abertura de escolas (de primeiro ao quarto ano, outros alunos continuam com as aulas online) e jardins de infância;

abertura de bares e restaurantes (mas só dos que têm terraços, abertura de parques de natureza e parques nacionais, abertura de condados para viajar entre eles (ainda com as fronteiras do país fechadas).

GOPR0287

As três fases, igual como a nossa vida no futuro próximo exige: LIMPEZA, HIGIENIZAÇÃO, DESINFECÇÃO e o mais importante DISTÂNCIA SOCIAL.

IMG 9810

E as viagens?

É importante dizer que cada nova fase depende do sucesso da fase anterior. Pode acontecer que vamos ficar só no primeiro, ou que vamos voltar ao confinamento. Mas eu gosto de acreditar na força de todos nós que mostramos nos momentos difíceis. O governo não tem previsto nem a Proteção Civil falou em algum momento a data de liberação, mas na imprensa mencionou-se a abertura das fronteiras na segunda quinzena de maio. Para quem, com quias condições,…não sabemos. Por isso, se estão com a viagem programada ou se interessam para viajar este ano para a Croácia, mantenham-se informados e assim tomem as decisões.

GOPR0326

Recuperamento financeiro

Ao pensar que as primeiras previsões para o desconfinamento da nossa Proteção Civil era para ser em junho, estamos mais do que satisfeitos com a situação atual e o regresso à vida (normal). Este regresso cedo vai ajudar à nossa economia que está, como a gente diz, nos joelhos. Com a queda de 9-10% do PIB (o crescimento máximo nos últimos anos era 2,5%), falamos da preocupação verdadeira dos croatas. Nesse sentido há alguns que estão criticando o governo, dizendo que as medidas foram exageradas. Mas quem vai saber agora o que é certo…? Os croatam estão com uma insônia geral, causada pelos problemas de existência. A maioria depende de turismo que está parado, uma outra maioria trabalha no serviço público onde vão cortar os ordenados/salários, muitos estão com financiamento com juros altos onde a moratária é cara e não vale a pena, porque os bancos são privados. E Deus me livre se tiver outra onda de vírus no outono, aí vamos morrer de fome e não de Covid. Mas continuamos positivos, como todo este tempo. Agora temos a chance de trabalhar, ganhar e superar, para poder contar em 2035 a história de Covid-19 aos nossos filhos como a história de vitória.

Update: 13 de maio de 2020

Ocupando o primeiro lugar na lista dos países cuja economia mais depende de turismo (20% do nosso PIB), a Croácia estava curiosa para ver hoje as recomendações da Comissão Europeia para a reabertura das fronteiras. A Comissão propôs a reabertura gradual das fronteiras internas da União Europeia, levantando as restrições de viagem em três fases.

0
Na FASE 0 em que estamos agora, é permitido que os trabalhadores atravessem as fronteiras e tenham acesso ao local de trabalho.

1
A FASE 1 deveria incluir as viagens entre os membros da UE, começando com as zonas com uma situação epidemiológica positiva e semelhante.
Nesse sentido, fala-se da abertura da fronteira com a Eslovénia, nosso país vizinho, com a imagem epidemiológica parecida. Os membros do governo croata disseram que já tem movimento na fronteira entre os dois países.

2
Por fim, na FASE 2, todas as fronteiras da UE deveriam ser abertas, mantendo simultaneamente as medidas sanitárias necessárias.

Quem e quando é que vai abrir as fronteiras completamente, é difícil dizer. Sobretudo se sabemos que falta uma coisa muito importante - voos internacionais.
Porém, fala-se (informação informal) que a partir da segunda quinzena de junho já vão começar algumas linhas. Claro, se a situação epidemiológica fique como agora. Se não, sempre existe a possibilidade de reintroduzir certas medidas.

Update: 07 de junho de 2020

A Croácia é quase corona-free!

Com apenas 17 casos ativos e 0 novos infetados na maioria dos dias, o país está correndo uma meia-maratona para salvar a economia que, como no mundo inteiro, está nos joelhos.
Está quase tudo aberto - escolas, centros comerciais, teatros, clubes, até podem ir ao casamento com mais 299 pessoas.
As fronteiras estão abertas para os países europeus com a imagem epidemiológica semelhante e para os países vizinhos. Como avisado pela UE, no dia 15 de junho espera-se a reabertura das fronteiras para todos os Estados-Membros.
A máscara é obrigatória só em alguns lugares fechados, na rua quase não dá para ver mais (pelo menos não aqui no sul).
O distanciamento social e higiene continuam como a recomendação da Proteção Civil.
O conteúdo turístico vai abrindo aos poucos, dependendo da temporada. Neste momento temos 40 mil turistas no país que estão aproveitando bem os preços baixos e as atrações vazias.
Concluindo, a vida na Croácia parece normal. Se só parece ou realmente é assim... se a reabertura foi apressada ou necessária... o tempo vai mostrar.

Update: 1 de julho de 2020

A temporada de banho nas praias croatas está ABERTA!
E não só para nós e outros cidadãos da UE, mas também para mais 15 países, a partir de hoje permitidos a entrar no território da União Europeia. Esses são: Argélia, Austrália, Canadá, Coreia do Sul, Japão, Geórgia, Marrocos, Montenegro, Nova Zelândia, Ruanda, Sérvia, Tailândia, Tunísia e Uruguai. A Croácia permitiu mais a entrada dos cidadãos da Bósnia e Herzegovina que não estava nessa lista. A China também provavelmente poderá entrar a partir de quarta-feira, mas tudo depende se Pequim autorizar ou não a entrada de cidadãos europeus.

Update: 6 de julho de 2020

No dia 5 de julho os croatas escolheram o novo governo que tem que enfrentar assim que possível a árdua tarefa de recompor a economia e relançar o turismo depois da epidemia de coronavírus, sob pressão devido ao certo aumento de casos. A situação ainda está controlada, mas temos até 80-90 casos novos por dia, tendo em total 897 casos ativos (90 pessoas estão no hospital).
Em Dubrovnik temos 24 pessoas infectadas, a situação por enquanto está boa.
Não se sabe se é uma nova onda, prorrogação da primeira ou efeito de desconfinamento, mas não resultou com as novas medidas. Os turistas precisam preencher um formulário antes de chegar ao país, mas continuam pela Croácia normalmente, seguindo as recomendações da Proteção Civil durante a estadia.
Neste momento são 350 mil na Croácia, ou cca 60% do número do ano passado.
O povo parece estar cauteloso, respeitando as regras da nova normalidade (sempre há exceções), com a esperança de que tudo acabe logo.

 

Deixe o comentário:
 All works